domingo, 24 de junho de 2012

Mais um dia

Eu não espero que meus romances durem muito tempo
Nunca me iludo que meus sonhos vão se realizar
Sendo acostumada ao problema, eu o antecipo
Mas de qualquer maneira, eu odeio isso. Você não odiaria?

O que acontece agora?
Outra mala em outro corredor.
O que acontece agora?
Vai me excluir do facebook.
Pra onde vou?
Eu me viro, sempre me virei.
Pra onde eu vou?

Vez após outra eu digo que não me importo
Que sou imune a escuridão, e que fico cada vez mais forte.
Mas cada vez importa, e minhas palavras me abandonam
E qualquer um pode me machucar, e vocês fazem isso.

O que acontece agora?
Outra mala em outro corredor.
O que acontece agora?
Vai deletar minhas fotografias.
Pra onde eu vou?
Eu me viro, sempre me virei.
Pra onde eu vou?

Pode me ligar em 3 meses, e eu estarei bem, eu sei
Bem, talvez nem tão bem assim, mas sobreviverei de algum jeito.
Eu não me lembrarei dos nomes, dos lugares, e das tristes ocasiões
Mas isso não me consola, aqui e agora.

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Uma boa garota

Eu tenho meus pecados. Talvez preguiça seja o maior deles, e nas condições atuais, um pouco de gula. Estava me questionando depois da minha visita ao consultório da Natália, o que é QUERER e o que é PRECISAR.
Eu PRECISO fazer a droga do curso, embora não QUEIRA, eu QUERÍA mesmo era voltar aos palcos mas PRECISO entender o quanto é difícil viver de música.
Eu PRECISO entender que eu não sou maravilhosa ou especialmente interessante mesmo que eu QUEIRA ser. PRECISO aceitar, QUERENDO ou não QUERENDO.
Eu QUERO uma boa noite de sono que a muito não tenho e concerteza PRECISO, eu QUERO que as pessoas gostem da minha pessoa e talvez eu realmente PRECISE disso. Eu QUERO um dia de sol amanhã, mas meu nariz PRECISA de chuva.
Eu QUERÍA falar com você, mas PRECISO de distância mesmo.
Eu QUERO mudar de área logo, mas PRECISO de paciência.
Eu QUERO um chocolate enorme, mas PRECISO fechar a boca.
Eu QUERÍA não ter ciúmes, PRECISO entender que não sou única. Será que um dia serei???
Eu PRECISO de algo sério, não QUERO ser só a distração de alguém.
Eu PRECISO me acalmar, mas QUERO ter mais ânimo.
Eu PRECISO mudar de posição, eu QUERO mudar.
Eu QUERO um amor, mas será que PRECISO de um????

terça-feira, 12 de junho de 2012

Noites de quinta-feira...

Talvez eu seja simplismente simples demais.
Fico pensando em como sou em quem sou para entender minha existência e minhas dores, buscando cada vez mais ver meus erros para tentar mudar esse quadro que me desagrada em mim mesma, será que eu assusto? Engraçado que eu sei de tudo um pouco mais percebo que não sei tudo de apenas alguma coisa. Sonhos estranhos.
Será que é por que eu falo de qualquer assunto? De filosofia a pão com ovo, de religião a bula de remédio, de moda a futebol, de roupa de carnaval a fantasias eróticas, de comédia pastelão a Woody Allen....
Talvez eu seja complicadamente complexa.
Fico querendo coisas simples e desejando o que não tenho, semana desgraçadamente longa e triste essa. Tudo que cheguei a imaginar e idealizar pra esse mês se foi como água. Será que sou sem graça? Sem sal nem açúcar? O grande erro está em mim. A questão foi errar e não saber concertar.
Sabe por que existem ateus? Por que se a vida é como Deus quer, ele tem um puta mal gosto, por que se Deus está esperando a hora certa, ele é preguiçoso, por que se Ele escolheu meu destino, eu o detesto, por que se Ele está deixando o mundo na mão do cão, ele não tem compaixão.
Não espere por nada, nem ninguém. Estou sozinha, e assim será!

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Good Morning

Acordei preocupada, tá chovendo tanto la fora
Acordei com preguiça, minha cama está deliciosa
Acordei com vontade, de ter ficado mais ontem
Acordei com vontade, de dizer o que sinto
Acordei com vontade, de gritar o que vejo
Acordei com vontade, de chorar na sua frente
Acordei com vontade, de sumir entre meus cabelos
Acordei com vontade, de dormir novamente
Acordei com vontade, de ficar em casa sozinha
Acordei com vontade, de ficar em casa com você
Acordei com saudade, de ontem
Acordei com saudade, de 3 meses atrás
Acordei com saudade, da Amanda
Acordei com saudade, da Sandrinha
Acordei com saudade, do Marquinho
Acordei com saudade, da Thaís
Acordei com saudade, do passado
Mais sobre tudo, acordei, e basta isso pro meu dia ser foda.

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Manhã Mescla

Vai saber quem é pior
Ou quem tenha razão
Seu passado nas minhas costas
Meu futuro em suas mãos
Quem viver
Quem verá
Quem sobrevive
Quem mentiu
Quem fugiu
Pobre alma covarde
Caí sentada no seu chão
Quando mais precisei das suas mãos
Quando tudo que eu tinha era nada além
Da sua intenção
Vai ver que é assim mesmo então
Pra sempre eterno amor em vão
Quando tudo que eu tinha era nada além
Da sua intenção
Uma sincera mentira
Um beijo sem cor
Minha poesia
E suas palavras sem nenhum valor
Quem viver
Quem verá
Quem sobrevive
Quem mentiu
Quem fugiu
Pobre alma
Covarde.


Ps: Essa é uma música do cd TUIA ao vivo, do cantor Tuia Lencionni.